Inovação Produtiva/ Projetos de Execução Rápida

Partilhar:

Para efeitos do presente concurso são consideradas como admissíveis as operações designadas como “projetos de execução rápida” definidas de acordo com as seguintes condições:


•    Projetos que apresentem um grau de execução medido pela despesa de investimento realizada até 31 de dezembro de 2016 não inferior a 20% do total de investimento;

•    Projetos que sejam concretizados num prazo não superior a 12 meses, podendo o mesmo ser objeto de uma única prorrogação de 6 meses adicionais em casos devidamente justificados

Beneficiários

Empresas (PME e grandes empresas) de qualquer natureza e sob qualquer forma jurídica

Condições de acesso

•    Apresentar um mínimo de despesa elegível total por projeto de 250 mil euros

•    Pelo menos 20% da despesa elegível deverá ser realizada até 31 de dezembro de 2016


Elegibilidade de despesas

Para projetos localizados nas NUTS II Norte, Centro e Alentejo aplicam-se os seguintes limites:
•    60% das despesas elegíveis totais do projeto  no caso do setor do turismo

•    35% das despesas elegíveis totais do projeto  no caso do setor da indústria    

Tags: portugal2020,inovação,projetos,financiamento,execução rápida