Notícia / 06.03.18

Instagram: Como funciona e o que vai mudar em 2018.

Partilhar:

Saiba as tendências para o Instagram este ano.

De acordo com dados fornecidos pela ferramenta HootSuit em Portugal existem mais de 6 milhoes de pessoas ativos nas redes sociais. Apesar do Youtube e do Facebook serem as redes sociais com mais atividade em Portugal é necessário falarmos do Instagram.

Nunca antes tínhamos feito um artigo sobre esta rede social que tem bastante influência em Portugal, de acordo com dados da ferramenta HootSuit existem mais de 3 milhões de utilizadores ativos mensalmente.

Apesar de não ter tanto alcance como o Facebook pode ser uma rede social a apostar e quem sabe atingir mais clientes. O principal objetivo do instagram é dar ao utilizador aquilo que ele mais deseja ou seja, através da sua interação. Nesse caso é obrigatório falar do algoritmo e como funciona.

Na prática o Instagram baseia-se em 3 príncipios básicos:

  1. Ordem Cronológica

No início do Instagram todos os posts estavam por ordem cronológica, a partir de certa altura isso mudou mas o que não implica que não continue a ser importante. Esta rede social continua a valorizar o que é recente para o utilizador ver mas ao longo do feed é possível vermos tanto o que é mais atual como também posts  de páginas com os quais mais interagimos.

  1. Engagement

Este fator é muito importante e determinante para o aparecimento no feed, ou seja, quanto mais os posts têm interação com likes e comentários maior probabilidade têm de ser exibidos e ainda com maior alcance para mais utilizadores.

  1. Relações

Os relacionamentos são importantes para o Instagram, uma vez que, analisa os perfis com os quais nós nos relacionamos. Como? Através de comentários, das nossas pesquisas ou até mesmo com quem nós mais partilhamos posts e stories com outros utilizadores.

Apesar destes 3 pontos base do algoritmo todos os anos existem novidades, portanto a pergunta que podemos fazer é: Que alterações ao algoritmo são esperadas para este ano de 2018? Ainda nem todas foram relevadas, mas o que é certo é que as Business Accounts terão maior influência, portanto mudar para um perfil de empresa pode fazer toda a diferença e potenciar o engagement alcançado com um post através de uma página deste tipo.

Infelizmente tal como vai acontecer com o Facebook o mesmo se prevê para o Instagram ou seja, irá existir um alcance orgânico cada vez menor.

Se o engagement continua a ser importante, prevê-se que o Instagram fará ainda uma maior análise desse aspeto. Se o engagement dos utilizadores com os posts é importante, torna-se relevante também o nosso próprio engagement, ou seja, o Instagram irá começar a analisar qual a nossa interação com o nossos seguidores.

A partir daqui, nunca se esqueça de responder aos comentários dos utilizadores nos seus posts ou através das mensagens diretas,  uma outra opção que não deve ficar de parte é a de responder às marcações que a sua marca/página foi identificada seja através e posts ou stories. Isso demonstra um nível de engagement altamente positivo para esta rede social o que pode ser vantajoso para a sua página.

Já no ano passado eram relevantes e vão continuar a ser, os stories e os lives. Aproveite para além de colocar posts nesta rede potenciar o alcanece orgânico através destas duas funcionalidades. Se antigamente para colocar um instastorie era sempre necessário tirar alguma fotografia, agora já pode comunicar apenas através de texto, torne-o atrativo ou conte uma história através de várias stories para manter a atenção do utilizador. Outra funcionalidade que pode tirar dos stories é que já não precisam de “morrer” em 24h, agora pode gravá-las e fixá-las no seu perfil através de destaques.

Esta funcionalidade dos destaques é recente e pode criar quantas quiser, dando-lhes um nome personalizado e uma capa. A partir daqui o que considerar mais relevante, seja sobre campanhas em específico ou novidades pode destacar no seu perfil e quem sabe alcançar ainda mais pessoas num prazo maior do que apenas 24h.

Outra novidade que se diz por aí, é que tal como o Facebook, o Instagram poderá vir a ter também loja online. Por isso, se por acaso já vende produtos online noutras ferramentas pode começar já a pensar numa forma de aproveitar esta funcionalidade do Instagram muito em breve. 

Tags: Instagram,2018,Algorítmo,Outglocal,Trends